Computador por menos de R$50


David Braben, desenvolvedor britânico cujo nome alguns de vocês (com mais de 30) talvez reconheçam dos créditos do jogo Elite, ultimamente vem dedicando esforços a questão dos computadores nas escolas, mas não só na forma atual (que ensina a usar aplicativos) mas também na forma que foi praticada em décadas anteriores, estimulando a entender as noções básicas do funcionamento lógico – e hoje temos ferramentas para isso que vão bem além do LOGO e BASIC das escolas da década de 1980.

E a solução dele envolve um complemento interessante: um computador cujo custo de produção é de menos de R$ 50, e pode ser plugado (na sua forma atual) a um teclado USB e a um monitor que tenha entrada HDMI, rodando Ubuntu (com OpenGL ES pros gráficos, e softwares como IceWeasel, KOffice e Python) e produzindo saída de vídeo 1080P.

Como pode ser visto na imagem acima, por dentro ele é uma placa de pequeno porte que recebe a alimentação DC por um lado, e tem um conector USB 2.0 em uma ponta e HDMI na outra (ele também pode gerar vídeo composto). O processador é ARM11 de 700MHz, e a plaquinha inclui ainda um slot para SD e espaço para um módulo Wi-Fi ou a conexão de uma webcam.

Está prevista como alternativa a conexão em um módulo portátil com touchscreen (o que configuraria um tablet), e já foi sugerida também a inclusão no interior de um teclado – assim, com seu slot de SD e saída de vídeo expostas nas suas laterais, seria praticamente uma reencarnação do Hotbit, fácil de ligar aos monitores da escola e à TV de casa 😉

A Fundação Raspberry Pi, iniciativa de David Braben, pretende se encarregar de distribuir o aparelhinho e promover o estudo da ciência da computação.

fonte:  http://br-linux.org

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

, , , , , , , , , , , ,